blog

Mostra Novos Tempos: porcelanato aplicado em móveis inspiradores

Quando você pensa em porcelanato o que lhe vem à cabeça? Piso, parede e bancada? Em cartaz na DW! 2021, a exposição Novos Tempos vai trazer uma perspectiva instigante e (quase) inexplorada para o uso das cerâmicas.

A Eliane e a Decortiles convidaram um grupo plural de 10 criativos para desenvolver uma série de peças de mobiliário utilizando placas de porcelanato de grande formato que podem ultrapassar 3 metros. Quatro deles escolheram produtos da Eliane para dar forma a relógios, chaise, mesas, aparador e mosaico de espelhos. Peças que apresentam todo o potencial criativo e funcional da cerâmica, bem como estão carregadas do conceito criativo dos profissionais.

F.studio; Karol Suguikawa; Plataforma4 e Pietro Oliveira são os nomes responsáveis por desenhar móveis e elementos decorativos a partir da porcelanataria. As obras foram reunidas na mostra que pode ser visitada gratuitamente até dia 15 de outubro, na Casa Brasil Eliane

 

O aparador Vila criado pelo escritório F.studio arquitetura + design e o painel modular Mosaico, design assinado pelo coletivo Plataforma4 | Fotos: Evelyn Müller

Criado pelas designers Amélia Tarozzo, Camila Fix, Flávia Pagotti Silva e Rejane Carvalho Leite da Platforma 4, o painel Mosaico reinterpreta a imagem de pisos de cacos cerâmicos, numa escala expandida formando uma composição irregular de peças de porcelanato e espelhos. A inspiração para o piso de caquinhos vem da década de 1940, das tradicionais casas brasileiras. Do modelo que ainda permanece no imaginário e na memória afetiva, surge a referência para uma ideia contemporânea.A peça é modular, para uso em escala residencial ou para uso em espaços públicos, se composta por diversos módulos.

Como um jogo de montar, a estrutura do Aparador Vila nasce da soma de barras de aço em diferentes formatos, parafusos e chapas. Somada a essa estrutura, o porcelanato Tecxtone, feito de massa única, permite acabamentos de encaixe em friso, bordas arredondadas e chanfros para a caixa. A inspiração para a peça, bem como as demais criações do F.studio, vem das paisagens urbanas e fabris, referência sempre presente para o ritmo leve e formas bem delineadas do trio mineiro: de Fernando Fernandes, Felipe Vargas e Flávia Araujo.
Mesa Tropa de Pietro Oliveira e Chaise Tectônica de Karol Suguikawa | Fotos: Evelyn Müller – Ale Moreira

Pés de metal curvo soldados em um conjunto harmônico formam uma coluna de tropeiros, e sob essa base de estrutura metálica o tampo de porcelanato faz surgir a mesa de jantar  Tropa de Pietro Oliveira. O revestimento cerâmico de grande formato é protagonista e, submetido a uma intervenção quase nula – os recortes foram apenas para suavizar as quinas – traz o conceito de ancestralidade. As formas são inspiradas em composições de elementos orgânicos em equilíbrio que são encontradas na natureza como em rizomas e micélios e na arte de rua como os painéis do Irin e Tiago Alvim.

O flerte com o design radical, o neoconcretismo brasileiro e com a produção de Amílcar de Castro e Sérgio Camargo são base para a produção autoral de Karol Suguikawa. A chaise Tectônica, de conceito escultura funcional, conecta silhuetas que dão origem aos mais diversos arranjos: livres para criar novas performances. A peça é formada por três blocos pesados e justapostos de revestimento cerâmico em grande formato, trazendo ideias antagônicas de conforto e imponência.


Tempos melhores

 

Foto: Ale Moreira

São duas as premissas que norteiam os designs que compõem Novos Tempos: desacelerar e fazer da casa um lugar de novas possibilidades e (re)conhecimento do que somos e como queremos viver. E observar o tempo, mas olhar para o futuro. Para amarrar a narrativa, a curadoria da jornalista Regina Galvão – à convite da DW! – ganha o apoio da produção de ambientes assinada por Deborah Apsan.

Já na fachada, Novos Tempos oferece aos olhos a instalação assinada por Suguikawa. Nela, cinco relógios monumentais são estruturados em lastras polidas Marmo Branco, com até 1,2 x 2,4 m, e marcam de forma física o passar do tempo. São ainda convites: à repensar a pressa da cidade e a entrar e descobrir, junto com a Eliane Revestimentos e a Decortiles, uma nova forma de fazer móveis. Vamos?

Para conhecer mais detalhes das criações e obter informações sobre a visitação e os protocolos sanitários, basta acessar o hot site da exposição.

 

Compartilhar

Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DW! Newsletter

Cadastre seu e-mail para receber notícias exclusivas do festival e do universo do design, arquitetura e decoração:


    Você poderá cancelar a assinatura a qualquer momento.

    Consulte nossa política de privacidade.