ACONTECE

DETALHES DO ACONTECIMENTO

As porcelanas-arte de Cris Azevedo

DATA: em cartaz

A arte é o traço. O prato é a tela. Do branco translucido surgem os desenhos dessa criativa artista que faz das louças objetos do desejo

Em seu ateliê no bairro Higienópolis, Cris Azevedo cria porcelanas-arte. Não! Não são louças pintadas à mão (embora ela não descarte a ideia), mas seu negócio é desenhar a estampa que vai ilustrar suas peças quase únicas, que tanto podem ser um prato quanto um vaso e até mesmo uma moringa de água, ou uma echarpe de seda, por que não?

Cris aprendeu a pintar em seda, fez tear, feltragem, até que descobriu a beleza e a delicadeza da porcelana, foi atrás de cursos, aprendeu a misturar pigmentos e pintar louças à mão, mas ainda não era aquilo. Até que descobriu o decalque…

Não pense que é aquele decalque que você compra pronto e inventa uma montagem. Não é. Primeiro ela cria o desenho – e são muitas as suas inspirações – a mão livre ou com bico de pena. Passo seguinte, leva sua criação para o computador, faz o rapport quando é necessário (um tipo de repetição de um módulo com encaixes perfeitos, projetado para alcançar determinado resultado que aprendeu quando trabalhava com moda), finaliza a arte, acrescenta a cor e manda o desenho para uma empresa que o transforma no decalque que faz questão de aplicar, ela mesma, manualmente, um a um, sobre a porcelana, “para ficar perfeito”. O trabalho é impecável, o resultado supermoderno.

Cris lança duas coleções por ano, para criar um paralelo com a moda, mundo de onde ela vem, inspiradas em tendências e insights que tanto podem ser “emoções urbanas”, com referências a arquitetura, exposições de arte, “emoções rurais”, que remetem a vida no campo, com pássaros e borboletas, quanto aos “pets lovers”. Inspira-se na ilusão de ótica da “op-art” que forma labirintos sobre as peças. De uma viagem a Portugal trouxe a beleza dos azulejos locais que adaptou a suas porcelanas.

Cris Azevedo tem algumas peças para pronta-entrega, trabalha por encomenda, aceita pedidos especiais com desenhos que ela mesma produz e monta combinações com vários pratos de parede para seus clientes. O sucesso de suas criações é tamanho que, desde 2019, suas peças são exportadas para lojas em Miami e Bolívia.